fbpx

Nossa Senhora Desatadora dos Nós

  • Festa litúrgica: 15 de agosto
  • Padroeiro (a): Dos necessitados e dos desesperados.
O título Nossa Senhora Desatadora de Nós é um dos muitos recebidos pela Virgem Maria e surgiu na Alemanha, por volta de 1700, quando o pároco da capela de St. Peter encomendou uma pintura de Nossa Senhora. Johann Schmittdner, o artista contratado, era um devoto fervoroso e utilizou todo o seu conhecimento das escrituras e de textos teológicos para desenvolver uma imagem cheia de simbolismo. Nela, o manto azul de Nossa Senhora representa sua virgindade e o céu; a túnica vermelha é a sua maternidade; o Espírito Santo sobre ela demonstra que é cheia de graça e que só consegue desatar nós por obra dele; as doze estrelas são os doze apóstolos; os anjos comprovam que está no céu; a fita é um símbolo da vida das pessoas que chegam até ela, ou seja, os nós representam a vida em pecado e a fita lisa é a vida junto a Deus; os olhos dela estão voltados para baixo para reafirmar que se preocupa com cada um de seus filhos e com seus problemas; o anjo que entrega os nós a Virgem Maria é um símbolo da oração; a lua abaixo de seus pés é o tempo e indica que ela atende aos pedidos quando apropriado para Deus; e a serpente esmagada é o demônio. Na parte inferior da pintura, o cachorro significa a providência divina; o anjo mostra para o homem a igreja, que fica em um lugar mais alto e é um paralelo com a elevação que desejamos quando procuramos Deus por meio da oração, que é o meio pelo qual Nossa Senhora recebe nossos nós.

Em pouco tempo, a fé no poder da Nossa Senhora Desatadora dos Nós se espalhou de Augsburg para o resto do mundo e conquista mais devotos a cada dia. A pintura permanece no mesmo altar até hoje e, desde o primeiro dia em que foi exposta, Nossa Senhora Desatadora dos Nós tem ajudado seus fieis alcançarem as graças pedidas, trazendo felicidade, tranquilidade, realização e todos os sentimentos advindos de uma vida sem nós e obstáculos.
Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Santa Maria Mãe de Deus, Virgem cheia de graça, vós sois a nossa desatadora dos nós.

Com as vossas mãos cheias do amor de Deus, vós desatais os obstáculos de nosso caminho, como nós que se desfazem e se tornam uma fita reta do amor do Pai.
Desatai, Virgem e Mãe, Santa e admirável, todos os nós que criamos por vontade própria e todos os nós que impedem o nosso caminho.
Lançai vossos olhos de luz sobre eles, para que todos os nós se desatem e, para que, cheios de gratidão, possamos, por vossas mãos, solucionar aquilo que nos parece impossível.
Amém.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp