fbpx

Santa Clara

  • Festa litúrgica: 11 de agosto
  • Padroeiro (a): Da televisão.
Santa Clara de Assis, fundadora do ramo feminino da Ordem Franciscana, também chamado de Ordem das Clarissas, ou Damas Pobres, nasceu em 16 de julho de 1193, faleceu em 11 de agosto de 1253 e foi canonizada em 23 de agosto de 1255. Apesar de ter nascido em uma família muito rica, abandonou tudo aos dezoito anos para ir à Porciúncula e encontrar São Francisco de Assis, que cortou seus cabelos como sinal da aceitação do voto de pobreza característico dos franciscanos. Santa Clara fez muitos milagres em vida, incluindo a expulsão dos muçulmanos que haviam invadido Assis. Acometida por uma doença muito séria nos anos finais de sua vida e, por isso, incapaz de ir às missas na Igreja de São Francisco, Santa Clara conseguiu, em 1253, assistir à celebração em seu quarto no convento, o que lhe garantiu o título de Padroeira da Televisão, concedido por Pio XII em 14 de fevereiro de 1958.
Na imagem, o ostensório simboliza a expulsão dos muçulmanos por meio de sua fé; seu hábito é o mesmo das Clarissas e representa a pobreza e o desapego; seu véu é sua renúncia ao mundo e sua entrega a Deus; as rosas são a presença de Jesus; a auréola é sua santidade; e o pano azul em suas mãos simboliza o céu.
Ó Deus, que na vossa misericórdia atraístes Santa Clara ao amor da pobreza, concedei, por sua intercessão, que, seguindo o Cristo com um coração de pobre, vos contemplemos um dia em vosso Reino. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Amém.

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp