fbpx

Santa Terezinha

  • Festa litúrgica: 1 de outubro
  • Padroeiro (a): Dos missionários católicos, da França, da Rússia, das floristas e dos jardineiros e intercede contra perda dos pais e pelos doentes de tuberculose e de AIDS.
Santa Teresinha, também conhecida como Santa Teresinha do Menino Jesus e da Santa Face, dois epítetos que recebeu ao se ordenar, nasceu em 2 de janeiro de 1873, faleceu em 30 de setembro de 1897 e foi canonizada em 17 de março de 1925. Encarava a vida espiritual como simples e prática e cria que a santidade e o amor de Deus não requeriam feitos grandes ou heroicos. É uma das mais populares santas modernas, especialmente pelo impacto de “A História de Uma Alma”, um conjunto de textos autobiográficos publicados um ano após sua morte.
Teresa recebeu uma educação rígida e muito religiosa, que incluía missas diárias, jejuns e orações. Sempre muito apegada à vida familiar e religiosa, brincava de ser freira junto com uma prima. Profundamente afetada pela morte da mãe e pela falta que sentia das irmãs e da prima, que haviam entrado para o convento, Teresa finalmente encontra sua vocação em 1888, quando se torna uma postulante carmelita, e em 1890, quando fez seus votos. Sua vida se baseou na devoção a Deus e na simplicidade até que sua saúde entrou em rápido declínio e, em 1897, morreu de tuberculose, aos 24 anos.
Em sua imagem, seu véu e seu hábito são os símbolos de seu voto de pobreza e de sua devoção; as rosas representam a chuva de pétalas que ela prometeu às suas irmãs; e a cruz corresponde o amor que tinha pela Paixão de Cristo e seu próprio sofrimento.

Santa das Rosas, trilhastes a Pequena Via da humildade e da submissão à vontade de Deus. Ensinai-nos, ó Santa Mestra, Doutora da Igreja, o caminho da santidade que nasce da escuta da Palavra de Deus, da realização de coisas simples e sem importância aos olhos do mundo. Nós vos pedimos que continueis a cumprir vossa promessa de fazer chover rosas de graças e bênçãos sobre o mundo. Ansiamos por rosas, muitas rosas do vosso jardim. Reparti conosco as graças que recebeis de Deus Pai. Intercedei por nós junto a Ele. Por vossas preces, venha o Senhor em socorro de nossas necessidades. (Pedir neste momento a graça desejada) Velai, ó Flor do Carmelo, por nossas famílias: que em nossos lares haja paz, compreensão e diálogo. Velai por nossa pátria, para que tenhamos governantes íntegros, afinados com os anseios do povo sofrido. Velai por nós, para que o espírito missionário impregne todas as nossas ações. Santa Terezinha, rogai por nós. Amém.”

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp